center
center

.

.

CASA DE RETIRO E ENCONTROS

CASA DE RETIRO E ENCONTROS
CONTATO: RUA SÃO VICENTE DE PAULO,300,ANTONIO BEZERRA - FORTALEZA/CE - TEL:(85)3235-6153

sexta-feira, 7 de junho de 2013

Meditação do Papa Francisco na festa do Sagrado Coração de Jesus

É preciso deixar-se amar por Deus

Deixar-se amar por Deus com ternura é difícil, mas é a graça que temos que pedir dele. Este foi o convite do papa Francisco na missa desta manhã na Casa Santa Marta.
Concelebrou com ele o bibliotecário da Santa Igreja Romana, dom Jean-Louis Bruguès, e o Pe. Sergio Pagano. Assistiu à missa parte do pessoal do Arquivo Secreto Vaticano.
“Jesus nos amou muito, não com palavras, mas com fatos e com a vida”, repetiu várias vezes o papa na homilia de hoje, solenidade do Sagrado Coração de Jesus, que ele chama de "festa do amor", de um "coração que amou muito". Um amor que, como repetia Santo Inácio, "se manifesta mais nas obras do que nas palavras" e que é especialmente "mais um dar-se do que um receber".
Bases do amor de Deus
“Estes dois critérios”, destacou o papa, “são os pilares do amor verdadeiro”, e é o Bom Pastor quem representa todo o amor de Deus. Ele conhece as suas ovelhas uma por uma, "porque o amor não é abstrato nem geral: é o amor por cada um".
"Um Deus que se torna próximo por amor, que caminha com o seu povo, e esse caminhar chega a um ponto inimaginável. Nunca podemos imaginar que o próprio Deus se torna um de nós e caminha conosco, fica conosco, permanece na sua Igreja, continua presente na Eucaristia, continua na sua Palavra, permanece nos pobres, fica conosco para caminhar! E isto é estar perto: é o pastor perto do seu rebanho, das suas ovelhas, que ele conhece uma por uma".
Explicando uma passagem do livro do profeta Ezequiel, Francisco ressalta outro aspecto do amor de Deus: o cuidado da ovelha perdida e da ovelha ferida e doente:
"A ternura! Deus nos ama ternamente! Nosso Senhor conhece aquela linda ciência das carícias, aquela ternura de Deus. Não se ama com as palavras. Ele se aproxima, chega perto, e nos dá aquele amor com ternura. Proximidade e ternura! Esses dois estilos de Deus que se torna próximo e que dá todo o seu amor inclusive nas menores coisas: com a ternura. E é um amor forte, porque a proximidade e a ternura nos fazem ver a fortaleza do amor de Deus".
Chamados a amar
"Mas vocês amam como eu os amei?", foi a pergunta que o papa destacou, reforçando que o amor deve "ser próximo", deve ser "como o do bom samaritano" e, em particular, ter “o sinal da proximidade e da ternura”. Mas como devolver todo esse amor a Deus? Este foi o outro ponto em que Francisco se concentrou: "amando-o", ficando "perto dele", sendo "ternos com Ele". Mas isto não é suficiente:
"Pode parecer uma heresia, mas é a maior das verdades! Mais difícil do que amar a Deus é deixar-se amar por Ele! A maneira de devolver tanto amor é abrir o coração e deixar-se amar. Deixar que Ele venha até nós e senti-lo perto. Permitir que ele seja terno, que ele nos acaricie. Isso é muito difícil: deixar-se amar por Ele. E é isto o que talvez devamos pedir hoje na missa: Senhor, eu quero te amar, mas me ensina essa difícil ciência, esse difícil hábito de me deixar amar por ti, de te sentir por perto e de sentir a tua ternura! Que o Senhor nos dê esta graça".

Fonte: Zenit

Seminaristas Lazaristas Rezam pela Santificação do Clero


O Seminário do Propedeutico e os seminaristas da etapa da Filosofia, da Província de Fortaleza da Congregação da Missão, realizaram nesta madrugada uma vigília de oração pela santificação do clero. Jesus fez aos seus discípulos este convite: Orai e Vigiai para não cairdes em tentação. Celebramos na fé o Sagrado Coração de Jesus. 
Pe. Gilvan Manuel

quinta-feira, 6 de junho de 2013

Serviço de Animação Vocacional Vicentino - Regional Norte

Ele sobe à montanha e chama aqueles que ele queria... para os enviar e pregar  Mc 3,13-14 
O GOVOV ( Grupo de Orientação Vocacional Vicentino) realizará nos dias 08 e 09 de junho de 2013 no Seminário São Vicente de Paulo em Belém-PA o encontro vocacional cuja temática trabalhada será “ A dimensão antropológica do chamado”. Além do aspecto teórico, os jovens que participarão do encontro vão conhecer na prática, a experiência pastoral dos seminaristas da Teologia em Águas Lindas - periferia da grande Belém. O caminho que só se “faz caminhando” caracteriza a proposta metodológica do GOVOV. Ao definir o calendário anual para o acompanhamento dos jovens vocacionados na região Norte, a Comissão vai trabalhar com incansável empenho para que também as vocações vicentinas nesta vasta porção do Brasil comecem a renascer. Não interessa que sejam muitas, mas que sejam boas: Como haveria de lembrar São Vicente na oração vocacional, “ Esperança de Israel”.
          A Comissão[1]
  

  Programação  
Dia 08 – SÁBADO
16h00 – Apresentação - José Carlos Olivindo ( 1º ano de Teologia)
16h20 1º Colóquio (A proposta do GOVOV e sua metodologia) - Pe. Adriano, CM 
16h50 2º Colóquio ( A dimensão antropológica do chamado) - Nárion Elécio (1º ano de Teologia)
17h30 - Intervalo
17h40 - Encaminhamentos
18h00 - Espiritualidade Vicentina
18h30 - Jantar
20h00- Filme ( O homem de caridade[2] )
22h00 – Oração


Dia 09 – DOMINGO
7h00 - Saída ( Águas Lindas)
17h00 – Retorno
Neste dia, os vocacionados acompanharão os seminaristas nas atividades programadas nas comunidades da Paróquia Santa Teresinha. Inclusive, na comunidade São Vicente (extremo da periferia) referência pastoral de maior interesse para a Teologia este ano.

[1] . A Comissão Regional Norte é constituída pelos padres Adriano Sousa ( Diretor da Teologia), Raimundo Nonato ( Diretor das Filhas da Caridade – Província da Amazônia, Anderson Sousa ( Vigário Paroquial de São Raimundo Nonato) e os seminaristas Nário Elécio e José Olivindo ( 1º ano da Teologia).

[2] . Drama: “Luigi di Liegro viveu de forma direta os problemas da emigração. O seu próprio pai emigrou para os Estados Unidos em várias ocasiões, de forma infrutífera. Ele fez-se sacerdote para melhor auxiliar os desvalidos de qualquer tipo, gênero, condição e crença. Com a saúde muito debilitada, e enquanto espera que a polícia venha desalojar imigrantes que ocupam o edifício de La Pantanella, Luigi recorda o seu trabalho nas minas da Bélgica junto dos emigrantes italianos, o destacamento para Giano, um subúrbio onde as condições de vida desumanas provocam lutas entre os indigentes, o trabalho à frente das Caritas, a criação de albergues para os sem-abrigo, o auxílio aos primeiros doentes com SIDA, a luta pela integração racial e religiosa... e, sobretudo, a falta de apoio por parte dos diferentes partidos governantes e da própria Igreja”.

domingo, 2 de junho de 2013

Aniversário de Ordenação Presbiteral

O Senhor fez em mim maravilhas! Foi com esse sentimento de gratidão que no dia 31 de maio, na Paróquia São Raimundo Nonato, os padres Anderson e Adriano celebraram o aniversário de ordenação presbiteral.
Foi uma celebração marcada pela Palavra de Deus e pela Santa Eucaristia onde estes missionários tiveram a graça de ouvir as sábias palavras de nosso coirmão, o bispo emérito, Dom Vicente Zico na festa da visitação de Nossa Senhora.